facebook   flickr   youtube   
Buscar
   facebook   flickr   youtube   
  

facebook   flickr   youtube   
Ministério da Saúde - MS
Secretaria de Atenção à Saúde - SAS
Departamento de Atenção Básica - DAB

 

Ministério da Saúde realiza oficina para profissionais da Atenção Básica em Tocantins

Data de publicação: 07/12/2017


Capacitação sobre programas e recursos da Atenção Básica reuniu gestores de 139 municípios tocantinenses


 

Profissionais da saúde do Estado de Tocantins participaram, nos dias 4 e 5 de dezembro, da Oficina Estadual de capacitação sobre a Atenção Básica e a Atenção Hospitalar e de Urgência. O evento aconteceu no auditório do Palácio Araguaia, sede do Poder Executivo Estadual, em Palmas.

Representando o Ministério da Saúde, o diretor do Departamento de Atenção Básica (DAB), João Salame, a coordenadora da Coordenação Geral de Gestão de Projetos da Atenção Básica do Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde, Mônica Kafer, e o consultor técnico do Departamento de Atenção Hospitalar e Urgência (DAHU), Rafael Leandro, participaram da mesa de abertura do encontro.

O treinamento teve como objetivo a capacitação dos trabalhadores da saúde. O diretor do departamento destacou “O nosso modelo de saúde é considerado um dos melhores para o mundo, mas sabemos que a estrutura e a aplicação precisam ser revisadas. Por isso, precisamos capacitar ainda mais os nossos gestores, para que existam serviços de maior qualidade”.

Equipes do DAB e do DAHU conduziram a oficina que tratou de acesso aos recursos, acolhimento, estrutura, gestão, processo de trabalho e resolutividade da saúde. Rosana Ballestero, técnica do DAB, explicou aos participantes sobre a diversidade de qualificação que a Atenção Básica oferece. “É importante que os gestores estejam sempre atentos aos dados da nota técnica e as informações, que são constantemente atualizadas, principalmente sobre os programas, no site da Atenção Básica”, concluiu afirmando que são com esses documentos que os gestores podem buscar soluções, investimento, qualificação e qualidade dos serviços.

Presente na abertura da oficina, a Vice-governadora do Estado do Tocantins, Cláudia Lelis, destacou a importância que a Atenção Básica precisa, principalmente pelos gestores. “É na Atenção Básica que todo o processo da saúde começa, são com esses projetos que podemos melhorar o atendimento, e principalmente, desafogar os hospitais”, afirmou ao comentar casos de superlotação de hospitais. Lelis aproveitou a fala para agradecer o desempenho e o atendimento realizado pela equipe técnica do DAB.

PMAQ

Um dos assuntos explanados pelos técnicos do DAB foi o Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ), que tem como objetivo incentivar os gestores a melhorar a qualidade dos serviços de saúde oferecidos aos cidadãos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) por meio das equipes de Atenção Básica à Saúde.

A promotora pública, Maria Roseli de Almeida Pery, que também integrou a mesa, falou da importância da estratégia. “O PMAQ é extremamente importante, não só para os gestores, mas para os órgãos de controle. Além disso, é sinônimo de avanço das secretarias de saúde e equipes. É preciso reconhecer e parabenizar o trabalho do DAB, indo até o estado e promovendo esse momento de capacitação e fortalecimento entre os municípios, e integração dos profissionais”.

Municípios

A secretária de Saúde do município São Valério da Natividade, Jakeline Macedo, comemorou a realização do evento. “Essa oficina é uma oportunidade para ampliar os debates e tirar dúvidas. É uma segurança de que estaremos ainda mais preparados para lutarmos pelos programas ofertados pela Saúde”.

Outra pessoa que também comemorou a ação foi Denise Costa, uma das representantes de Recursolândia, município localizado a 323 km de Palmas. “Nunca tivemos um contato tão próximo com o Ministério da Saúde. Então viemos em comitiva, cheios de expectativa de ampliar o nosso conhecimento, ainda mais agora que estamos lutando para implantar o NASF”. Durante os dois dias de oficina, 246 pessoas participaram do evento, além de receberem atendimento individualizado.

 


Fonte: - Autor(es): -