facebook   flickr   youtube   
Buscar
   facebook   flickr   youtube   
  

facebook   flickr   youtube   
Ministério da Saúde - MS
Secretaria de Atenção à Saúde - SAS
Departamento de Atenção Básica - DAB

 

Órgãos federais promoverão alimentação saudável nos ambientes de trabalho

Data de publicação: 28/10/2016


Refeições servidas nos prédios públicos irão seguir as orientações do `Guia Alimentar para a População Brasileira e `Alimentos Regionais Brasileiros¿, publicações do Ministério da Saúde


<p>Servidores de mais de 200 &oacute;rg&atilde;os do Governo Federal ter&atilde;o acesso a uma alimenta&ccedil;&atilde;o mais saud&aacute;vel nos ambientes de trabalho. A medida consta na <a href="http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=27/10/2016&amp;jornal=1&amp;pagina=126&amp;totalArquivos=336" target="_blank">portaria normativa</a> publicada, nesta quinta-feira (27), que institui as &ldquo;Diretrizes de Promo&ccedil;&atilde;o da Alimenta&ccedil;&atilde;o Adequada e Saud&aacute;vel nos Ambientes de Trabalho do Servi&ccedil;o P&uacute;blico Federal&rdquo;. O documento foi assinado pelo Minist&eacute;rio do Planejamento, Desenvolvimento e Gest&atilde;o, e contou com o apoio t&eacute;cnico do Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de e de outros &oacute;rg&atilde;os federais.</p> <p>A nova portaria &eacute; resultado do trabalho do Comit&ecirc; Interministerial de Preven&ccedil;&atilde;o e Controle da Obesidade, que o Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de faz parte. O documento delimita diretrizes de promo&ccedil;&atilde;o da alimenta&ccedil;&atilde;o adequada e saud&aacute;vel nos ambientes de trabalho, que dever&atilde;o ser trabalhadas junto aos trabalhadores da administra&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica. O objetivo &eacute; reduzir casos decorrentes de agravos relacionados &agrave;s Doen&ccedil;as Cr&ocirc;nicas N&atilde;o Transmiss&iacute;veis, como a hipertens&atilde;o e diabetes.</p> <p>A composi&ccedil;&atilde;o da portaria teve como base duas publica&ccedil;&otilde;es elaboradas pelo Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de: o Guia Alimentar para a Popula&ccedil;&atilde;o Brasileira, que relata os cuidados e caminhos para alcan&ccedil;ar uma alimenta&ccedil;&atilde;o saud&aacute;vel, saborosa e balanceada; e a publica&ccedil;&atilde;o Alimentos Regionais Brasileiros, que divulga a variedade de alimentos no pa&iacute;s e orienta as pr&aacute;ticas culin&aacute;rias, estimulando a valoriza&ccedil;&atilde;o da cultura alimentar brasileira, dentre outros materiais de educa&ccedil;&atilde;o alimentar e nutricional.</p> <p>O secret&aacute;rio de Aten&ccedil;&atilde;o &agrave; Sa&uacute;de do Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de, Francisco de Assis Figueiredo, participou da cerim&ocirc;nia de assinatura da portaria, e ressaltou a import&acirc;ncia da medida. &ldquo;A obesidade &eacute; um dos grandes desafios do Brasil. &Eacute; importante conscientizar a popula&ccedil;&atilde;o da import&acirc;ncia de uma alimenta&ccedil;&atilde;o saud&aacute;vel em todos os momentos da vida. Ter este suporte no ambiente de trabalho &eacute; fundamental&rdquo;, declarou. Ele destacou que atualmente o pa&iacute;s enfrenta, no &acirc;mbito da sa&uacute;de, &ldquo;quatro grandes desafios no pa&iacute;s: a obesidade, o sedentarismo, o tabagismo e o alcoolismo&rdquo;.</p> <p>Dentre as orienta&ccedil;&otilde;es da nova portaria est&aacute; a realiza&ccedil;&atilde;o de avalia&ccedil;&atilde;o da sa&uacute;de dos servidores, por meio dos exames m&eacute;dicos peri&oacute;dicos; defini&ccedil;&atilde;o de estrat&eacute;gias para o controle de peso dos servidores, com realiza&ccedil;&atilde;o de atividades que estimulem o seu automonitoramento; disponibiliza&ccedil;&atilde;o, no ambiente de trabalho, de espa&ccedil;os adequados para a realiza&ccedil;&atilde;o de refei&ccedil;&otilde;es saud&aacute;veis. Al&eacute;m da realiza&ccedil;&atilde;o de a&ccedil;&otilde;es de educa&ccedil;&atilde;o alimentar e nutricional.</p> <p><strong>ORIENTA&Ccedil;&Atilde;O - </strong>Ap&oacute;s o ato de assinatura da portaria normativa, foi realizada a mesa redonda &ldquo;Estrat&eacute;gias Intersetoriais para a promo&ccedil;&atilde;o da sa&uacute;de&rdquo;. O Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de participou apresentando a experi&ecirc;ncia da Portaria 1.274/2016, que trata da Promo&ccedil;&atilde;o da Alimenta&ccedil;&atilde;o Adequada e Saud&aacute;vel nos Ambientes de Trabalho.</p> <p>Em julho deste ano, o ministro da Sa&uacute;de, Ricardo Barros, assinou a portaria que traz as diretrizes para promo&ccedil;&atilde;o da alimenta&ccedil;&atilde;o saud&aacute;vel nas unidades da pasta em todo o pa&iacute;s. O documento definiu as Diretrizes para Promo&ccedil;&atilde;o da Alimenta&ccedil;&atilde;o Adequada e Saud&aacute;vel que abrange tanto as refei&ccedil;&otilde;es disponibilizadas no restaurante da pasta quanto nas cantinas e eventos realizados pelo &oacute;rg&atilde;o. A maior parte da oferta deve ser de alimentos dos grupos: cereais, ra&iacute;zes e tub&eacute;rculos, verduras e legumes, frutas, castanhas e outras oleaginosas, leite e derivados, carnes, ovos e pescados.</p> <p>Tamb&eacute;m ficou proibida a venda, promo&ccedil;&atilde;o, publicidade ou propaganda de alimentos industrializados ultraprocessados com excesso de a&ccedil;&uacute;car, gordura e s&oacute;dio e prontos para o consumo. A proposta &eacute; estender essas regras aos demais &oacute;rg&atilde;os e entidades da administra&ccedil;&atilde;o direta federal.</p> <p>Fonte: Agencia Sa&uacute;de</p>