Buscar
  
  

Ministério da Saúde - MS
Secretaria de Atenção à Saúde - SAS
Departamento de Atenção Básica - DAB

 

Disponível arquivo complementar de beneficiárias do PBF maiores de 7 anos

Data de publicação: 28/04/2016


Os dados atualizados vão facilitar os gestores a realizar busca ativa de gestantes beneficiárias do programa


<p>O Sistema de Gest&atilde;o do Programa Bolsa Fam&iacute;lia (PBF) na Sa&uacute;de disponibilizou o arquivo complementar das benefici&aacute;rias com idade superior a 7 anos no dia 25 de abril. Ao todo, foram inclu&iacute;das informa&ccedil;&otilde;es de 1.011.018 mulheres (dados referentes &agrave; folha de pagamento do m&ecirc;s de mar&ccedil;o e Cadastro &Uacute;nico atualizado at&eacute; fevereiro de 2016). </p> <p>O objetivo do Minist&eacute;rio da Sa&uacute;de com a atualiza&ccedil;&atilde;o da rela&ccedil;&atilde;o dessas benefici&aacute;rias &eacute; contribuir para o registro do acompanhamento de sa&uacute;de das gestantes. O arquivo complementar de mulheres maiores de 7 anos &eacute; tradicionalmente disponibilizado pelo MS no meio da vig&ecirc;ncia. </p> <p>Apesar de o acompanhamento em sa&uacute;de dessas benefici&aacute;rias n&atilde;o ser obrigat&oacute;rio, ele conta para fins de c&aacute;lculo de cobertura do munic&iacute;pio no final da vig&ecirc;ncia. Caso o munic&iacute;pio n&atilde;o tenha encontrado, no in&iacute;cio da vig&ecirc;ncia, alguma gestante no Sistema de Gest&atilde;o do PBF na Sa&uacute;de, poder&aacute; identific&aacute;-la ap&oacute;s a atualiza&ccedil;&atilde;o da lista de fam&iacute;lias vindas no arquivo complementar. </p> <p><strong>Busca ativa com o arquivo complementar</strong><br /> Para realizar a busca ativa das gestantes do arquivo complementar, o gestor dever&aacute; acessar o Sistema de Gest&atilde;o do PBF na Sa&uacute;de, na op&ccedil;&atilde;o Mapa de Acompanhamento - Mapa de Fam&iacute;lias com mulheres vindas no arquivo complementar. Esse mapa listar&aacute; as mulheres benefici&aacute;rias do PBF com idade superior a 7 anos que n&atilde;o estavam no arquivo do in&iacute;cio da vig&ecirc;ncia. </p> <p>A necessidade do arquivo complementar ocorre porque a rela&ccedil;&atilde;o das fam&iacute;lias benefici&aacute;rias para acompanhamento pela sa&uacute;de que o MS disponibiliza no in&iacute;cio da vig&ecirc;ncia leva em considera&ccedil;&atilde;o as informa&ccedil;&otilde;es do Cadastro &Uacute;nico do m&ecirc;s de dezembro de 2015 e da folha de pagamento de janeiro de 2016. Dessa forma, as fam&iacute;lias que se tornaram benefici&aacute;rias ap&oacute;s essas datas, n&atilde;o foram listadas no arquivo inicial produzido pelo Minist&eacute;rio do Desenvolvimento e Combate &agrave; Fome (MDS) e, por isso, n&atilde;o apareciam para acompanhamento no in&iacute;cio da vig&ecirc;ncia.</p> <p><strong>Saiba mais</strong><br /> Em caso de d&uacute;vidas, o profissional deve entrar em contato com a &aacute;rea t&eacute;cnica estadual respons&aacute;vel pelas a&ccedil;&otilde;es de alimenta&ccedil;&atilde;o e nutri&ccedil;&atilde;o da Secretaria de Sa&uacute;de.</p> <p>Mais informa&ccedil;&otilde;es podem ser obtidas pelo e-mail <a href="mailto:bfasaude@saude.gov.br" target="_blank">bfasaude@saude.gov.br</a>.</p> <p>&nbsp;</p>