Buscar
  
  

Ministério da Saúde - MS
Secretaria de Atenção à Saúde - SAS
Departamento de Atenção Básica - DAB

 

Saúde lança guia com orientações para atendimento odontológico durante a pandemia da Covid-19

Data de publicação: 20/11/2020


Documento faz parte de uma série de ações do Ministério da Saúde para reorganização da atenção em saúde bucal no SUS


Profissionais e gestores de saúde agora podem contar com mais uma ferramenta para ampliar e qualificar os atendimentos odontológicos no Sistema Único de Saúde (SUS). O Ministério da Saúde lançou o Guia de Orientações para Atenção Odontológica no Contexto da Covid-19. O material traz informações sobre cuidados e atenção à saúde bucal da população brasileira e apoio à retomada gradual dos atendimentos durante a pandemia do coronavírus. 

“Muitas pessoas deixaram de procurar atendimento durante a pandemia. Por conta disso, estamos fomentando o melhor atendimento para dar atenção a uma possível demanda represada. O Ministério da Saúde está fazendo sua parte com liberação de recursos e o lançamento do guia para orientar os profissionais de saúde bucal”, reforça o secretário de Atenção Primária à Saúde, Raphael Parente. 

O documento, desenvolvido pelo Ministério da Saúde em parceria com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Conselho Federal de Odontologia (CFO) e pesquisadores, foi dividido em eixos temáticos, reforçando as necessidades relacionadas à saúde bucal e o cuidado com a população e profissionais de saúde durante os atendimentos no SUS. 

Entre os temas abordados, estão os parâmetros recomendados para orientação do atendimento a ser implementado em cada localidade; os diferentes cenários de atendimento e as ações a serem realizadas para cada um deles; aspectos a serem observados para a organização de todos os serviços da rede de saúde bucal; classificação de urgências e atendimentos eletivos; medidas de precaução e higiene para controlar a disseminação do coronavírus, além de apresentar alternativas para o atendimento presencial, como a teleodontologia. 

IMPLEMENTAÇÃO 

A pasta elaborou, por meio de um vídeo, dez passos para a implementação do guia e a reorganização dos atendimentos odontológicos, que envolvem a disseminação do conhecimento, o cuidado aos profissionais de saúde, as necessidades de saúde bucal de cada região e orientação à população para cuidados e prevenção à Covid-19. 



INVESTIMENTOS 

Neste ano, o Ministério da Saúde já investiu mais de R$ 190 milhões para apoiar a manutenção e estruturação dos serviços de saúde bucal nos estados, garantindo apoio federal para a implementação de medidas de adaptação durante a pandemia da Covid-19, que resultem em mais acesso e segurança aos atendimentos odontológicos no SUS.  

O incentivo financeiro, em caráter excepcional e temporário, será utilizado por estados e municípios para adequações dos serviços realizados pelas equipes de Saúde Bucal e pelos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO), e representa um incremento de quase 15% no orçamento da saúde bucal voltado para o período da pandemia.

 


Fonte: - Autor(es): -